Ciro Gomes busca apoio do DEM, PSB, Rede, Cidadania, PV e PSD para 2022, revela Carlos Lupi - Guia Ponto Novo

Ads

Clique Aqui e conheça nosso Guia Comercial

Ciro Gomes busca apoio do DEM, PSB, Rede, Cidadania, PV e PSD para 2022, revela Carlos Lupi

Compartilhar

Em busca de formar uma base de apoio à sua candidatura à Presidência em 2022, Ciro Gomes tem negociado com seis partidos. Entre as siglas na mira do ex-governador do Ceará estão: PV, Cidadania, PSD e Rede, presidida nacionalmente pela ex-candidata à Presidência Marina Silva. 

Ciro ainda conversa com o PSB, que também está na mira do PT, e com o DEM, comandado pelo ex-prefeito de Salvador ACM Neto. A informação foi dada pelo presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, em entrevista ao “Isso é Bahia”, programa da rádio A TARDE FM em parceria com o site Bahia Notícias.

“É claro que, a um ano da eleição, todo mundo conversa, mas não decide nada. Ninguém tem que decidir nada. Mas hoje temos um partido consolidado, a candidatura de Ciro está firmada, garantida e com independência, resistindo a toda essa polarização”, disse Lupi.

PESQUISA DATAFOLHA

O pedetista também comentou a pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (13), que mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) venceria todos os adversários em simulações de segundo turno e ficaria à frente do presidente Jair Bolsonaro em primeiro turno.

Para Lupi, os resultados do levantamento, que mostra Ciro com menos de 10% das intenções de voto em primeiro turno, indicam que a anulação das condenações do ex-presidente fizeram bem para a popularidade dele.

“Em primeiro lugar, a pesquisa representa um momento, o agora. Estamos a um ano e meio da eleição, o reflexo atual de quem conseguiu recuperar seus direitos políticos, que teve as condenações anuladas depois da injustiça que fizeram contra ele. Isso, nos últimos dois meses, deu grande exposição a ele. [Lula] Foi presidente durante 8 anos, fez uma boa gestão e teve um bom resultado, principalmente se comparado ao governo atual, que é um desastre. A população está olhando isso”, afirmou.

Na avaliação dele, no entanto, há risco de Bolsonaro não chegar ao segundo turno, caso seu governo mantenha a tendência de queda na popularidade.

“Podemos ter Lula vs Ciro no segundo turno. Seria o melhor dos mundos. Por que não Ciro e Lula no segundo turno? As pesquisas mostram uma queda muito grande do Bolsonaro”, declarou.

APOIO A ACM NETO

Lupi voltou a dizer que vai defender que o PDT apoie a candidatura de ACM Neto ao governo da Bahia em 2022. Atualmente, o partido ainda compõe a base do governador Rui Costa (PT), mas está prestes a deixar a gestão, já que os postos ocupados pela sigla devem ser distribuídos a outras agremiações. A relação com o PT na Bahia ficou estremecida após o PDT indicar a vice de Bruno Reis na candidatura a prefeito de Salvador no passado - Bruno era o principal opositor dos petistas no pleito.

"Há quatro eleições consecutivas, apoiamos o PT. Apoiamos Wagner na eleição e reeleição, apoiamos Rui na eleição e reeleição. Aí em Salvador, tivemos a vice eleita do prefeito Bruno, temos aliança na capital, estamos apoiando o grupo político de ACM Neto. Neto tem uma excelente avaliação da população soteropolitana. Com isso, nos dá uma tranquilidade de que ele será um nome melhor para conduzir a Bahia. Estamos construindo essa aproximação permanentemente, a passos largos”, afirmou.

Fonte: Bahia Notícias

Guia Ponto Novo
Continue lendo mais notícias no site

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo conteúdo dos comentários é de responsabilidade de seus autores.

Não pretendemos limitar a sua expressão de ideias, contudo não use o espaço de comentários como palanque para proselitismo político, calunioso, ideológico, religioso, difamatório, para praticar ou difundir posturas racistas, xenófobas, propagar ódio ou atacar seus desafetos. caso aconteça poderá ser removido à discrição da gestão do site.

Post Bottom Ad

Condomínio Sol Lar Chácaras em Ponto Novo
Grupo JV Empreendimentos Pindobaçu