Em meio à pandemia, pelo menos 22,8% dos candidatos ao Enem foram prejudicados - Guia Ponto Novo

Ads

Clique Aqui e conheça nosso Guia Comercial

Em meio à pandemia, pelo menos 22,8% dos candidatos ao Enem foram prejudicados

Compartilhar

Levantamento realizado com base em dados referentes às respostas do questionário socioeconômico

Devido à epidemia do novo coronavírus, o ano de 2020 ficou marcado pelo ensino remoto. Ao aderir a um modelo de educação a distância, as escolas se depararam com a falta de infraestrutura, realidade brasileira que prejudicou pelo menos 22,8% dos candidatos ao Enem.

O levantamento foi realizado pela plataforma Quero Bolsa, com base em dados referentes às respostas do questionário socioeconômico. Muitos estudantes não conseguiram acompanhar o ensino remoto.

Segundo essas informações, 77,62% dos estudantes têm internet em casa, 97,85% conseguem acesso a um smartphone (próprio ou emprestado) e 53,97% possuem computador.

Candidatos que não têm a estrutura necessária aos estudos tendem a ter resultados piores na prova. Em 2019, estudantes com estrutura tiraram nota média de 518,8. Os que não tinham ficaram com a média de 465,5. Isso em um cenário com aulas presenciais. 

Veja:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo conteúdo dos comentários é de responsabilidade de seus autores.

Não pretendemos limitar a sua expressão de ideias, contudo não use o espaço de comentários como palanque para proselitismo político, calunioso, ideológico, religioso, difamatório, para praticar ou difundir posturas racistas, xenófobas, propagar ódio ou atacar seus desafetos. caso aconteça poderá ser removido à discrição da gestão do site.

Post Bottom Ad

Condomínio Sol Lar Chácaras em Ponto Novo
Grupo JV Empreendimentos Pindobaçu