Cazuza: música inédita “Mina” será lançada após 30 anos de gravação - Guia Ponto Novo

Ads

Clique Aqui e conheça nosso Guia Comercial

Cazuza: música inédita “Mina” será lançada após 30 anos de gravação

Compartilhar

Uma canção inédita de Cazuza será lançada após 30 anos. “Mina” será divulgada, nesta sexta (9), com uma gravação do artista acompanhado de um videoclipe animado por Humberto Barros.

Na semana que se completa 31 anos desde a morte de Cazuza, ocorrida em 7 de julho de 1990, a Universal Music preparou uma surpresa. Nesta sexta-feira (9) uma gravação inédita da música “Mina“, composta pelo cantor em parceria com George Israel e Nilo Romero, será divulgada pela primeira vez.

Em 2021 Cazuza completaria 63 anos. Ele partiu cedo, pouco tempo após revelar ao Brasil ser soropositivo em uma época que o tratamento para HIV era pouco eficiente. Mas, passadas mais de três décadas de sua partida, a discografia do artista e seus projetos pessoais seguem servindo de inspiração.

Entre o primeiro álbum com o Barão Vermelho, em 1982, até “Burguesia“, de 1989, Cazuza entoou canções que marcaram uma geração, como “O Nosso Amor a Gente Inventa“, “Brasil“, “O Tempo Não Para“, “Exagerado” e “Ideologia“.

Em 2020, por exemplo, Rogério Flausino e Wilson Sideral lançaram o single “Essas Canções de Amor”, composto a partir de um poema de Cazuza batizado como “Não Reclamo”. Agora, a inédita “Mina” vem para lembrar o talento do artista, inclusive para os mais jovens que não tiveram a oportunidade de conhecê-lo em vida. A canção entraria no álbum “Só se for a Dois“, de 1987, mas acabou ficando de fora.

De acordo com o colunista do jornal O Globo, Lauro Jardim, o arranjo de “Mina” foi refeito por Nilo Romero, que chamou o guitarrista Rogério Meanda e o tecladista João Rebouças. Todos eles participaram da gravação original, em 1987, e o coro do novo arranjo também é composto pelos mesmos músicos.


Fonte: Popline


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo conteúdo dos comentários é de responsabilidade de seus autores.

Não pretendemos limitar a sua expressão de ideias, contudo não use o espaço de comentários como palanque para proselitismo político, calunioso, ideológico, religioso, difamatório, para praticar ou difundir posturas racistas, xenófobas, propagar ódio ou atacar seus desafetos. caso aconteça poderá ser removido à discrição da gestão do site.

Post Bottom Ad

Condomínio Sol Lar Chácaras em Ponto Novo
Grupo JV Empreendimentos Pindobaçu